Blog

Fale Conosco
  • Home
  • Blog
  • 12 DE NOVEMBRO- DIA INTERNACIONAL DA UVA TEMPRANILLO

Uva Tempranillo

A Tempranillo é uma casta para a produção de vinho. Com nascimento na Península Ibérica, encontrou no solo da Espanha seu maior rendimento. Neste século, tem sido cultivada em várias regiões do mundo. Com fácil adaptação a diferentes climas e solos e possuindo várias outras designações. Em Portugal é conhecida como Aragonez (Alentejo) ou Tinto Roriz, na Espanha, Tinta Del Toro ou Tinta Del Pais, na Itália, Negretto, Estados Unidos, Valdepeñas, etc. E em determinada região na própria Espanha, seu país de origem, sua característica muda significativamente. Produz um vinho tinto com acidez e teor alcoólico de nível médio, textura macia e deliciosamente elegante.

A casta Tempranillo gera vinhos tintos maravilhosos, é a principal responsável pelos grandes rótulos da Rioja, Ribera del Duero e Toro.

A Tempranillo apresenta cachos cilíndricos, compactos e de tamanho médio. Seus frutos são caracterizados pela casca grossa e de coloração escura devido à grande quantidade de pigmentos.

“A designação Tempranillo surgiu do diminutivo espanhol ‘temprano’, que significa ‘cedo’, numa referência ao fato de que esta casta amadurece bem mais rápido que outras.” amadurecimento rápido e crescimento curto.

Hoje de todas as uvas plantadas na Espanha, a Tempranillo representa aproximadamente 20%.

A facilidade de adaptação da Tempranillo permite que essa uva seja cultivada não apenas na região Ibérica, mas em diversos países em todo o mundo. Portugal, Argentina, Chile, Austrália, México, Estados Unidos e Brasil são alguns dos países que cultivam a Tempranillo.

A Tempranillo é uma uva com pouco açúcar, taninos marcantes e com acidez discreta. Por isso, transmite essas características para seus vinhos.

Tradicionalmente, ela produz rótulos elegantes, aromáticos e robustos, com forte presença de frutos vermelhos e picância. Quando seu vinho passa por tempo em barricas de carvalho (visto que contam com bom potencial de guarda), ele pode obter notas de baunilha e tostado, deixando-o ainda mais complexo e interessante.

 

Harmonização

A harmonização de vinhos com uva Tempranillo e pratos deve ser equilibrada, mas também podem ser feitos de acordo com seu paladar, as experiências estão livres, basta você testar, afinal gosto não se discute.

Eu posso degustar um vinho com caldos?

Sim, claro que pode, basta você escolher um vinho jovem, com safra próxima, sem passagem ou curta passagem em barrica, por isso eu recomendo um Tempranillo, Cinco Viñas da ( Obra Prima Importadora ), com notas aromáticas, frutas vermelhas, equilibrado, fresco, com passagem apenas 2 meses em barrica de segundo e terceiro uso para dar micro oxigenação e melhorar seus taninos, excelente esse vinho, um ótimo custo qualidade.

                               

5 viñas

CINCO VIÑAS TEMPRANILLO

 

 

Carnes: filé mignon, ragu de pato e costela ao bafo com molho de ervas, eu recomendo Punto Maximo Tempranillo da (Obra Prima Importadora), 12 meses passagem em barrica, com notas de amora e ameixa-preta e especiarias picantes

 

punto maximo

PUNTO MAXIMO TEMPRANILLO

Queijos suaves, massas e frangos, eu recomendo Más de 5 Viñas ou como segunda opção o Marco Real Tempranillo, região Navarra, aroma frutado, notas de amora e Morango. (Obra Prima Importadora)

MAS DE CINCO VINAS

MAS DE CINCO VINAS

MARCO REAL

MARCO REAL

Espero que tenham gostado, afinal penso que você só precisa gostar ou não gostar, faz parte e vinho aproxima pessoas.

 

Santé.

Valmir D. Mafra